Tudo sobre o refinanciamento de empréstimo consignado

Gustavo Cunha Gustavo Cunha  Atualizado em junho 23, 2022

Muita gente ouve falar em refinanciar dívidas, mas não sabe o que é. E o refinanciamento de empréstimo consignado é uma forma de refinanciar uma dívida.

O que também pode ser chamado de trocar uma dívida cara por outra mais barata. E isso é feito com muita pesquisa e negociação. Se você não sabe como funciona o refinanciamento de empréstimo consignado, fique tranquilo que vamos te contar tudo. Acompanhe!

O que é o refinanciamento de empréstimo consignado?

O refinanciamento de empréstimo consignado é quando você troca um antigo acordo por um novo. Ele também é chamado de renovação e só pode ser feito na mesma instituição financeira.

Com uma nova negociação, você pode conseguir que as parcelas que ainda não foram pagas sejam alteradas com melhores condições de pagamento e novos prazos de investimento. Mas é preciso ficar atento. Porque para refinanciar o contrato é necessário que ele esteja com parte das parcelas pagas.

Embora não exista uma regra clara, normalmente, as instituições financeiras exigem entre 15% a 30% das parcelas quitadas. Mas isso vai depender de cada instituição de acordo com a sua política interna de crédito.

Como funciona o refinanciamento de empréstimo consignado?

Quando você faz o refinanciamento de empréstimo consignado, o atual é quitado e um novo empréstimo é aberto. Nessa operação, além de economizar, o interessado ainda pode conseguir um dinheiro extra. Isso porque o refinanciamento de empréstimo consignado oferece duas opções: com ou sem troco.

  • Com troco: Por exemplo, você tinha um empréstimo consignado de R$ 5 mil para pagar 60 parcelas. Já pagou 24 parcelas, mas ainda restam R$ 3 mil para quitar. Refinanciando no mesmo prazo, 60 meses, o banco quita o empréstimo anterior e oferece um novo de R$ 5 mil. Mas você já tinha pago R$ 2 mil, do outro empréstimo. Então, esse valor é devolvido a você. Esse é o troco.
  • Sem troco: Neste caso, um empréstimo consignado de R$ 5 mil dividido em 60 parcelas, sendo que 24 já foram pagas. Ao fazer o refinanciamento sem troco as 36 parcelas restantes são novamente divididas em 60 vezes, fazendo o valor de todas as prestações diminuírem.


Alguns bancos podem estabelecer um troco mínimo, ou seja, valor mínimo para a realização da transação.
Portanto, antes de optar pela renovação é importante ter certeza que isso é vantajoso. Verifique sempre os novos prazos, parcelas e juros.

Se ainda está em dúvida, compare os tipos de empréstimo das maiores instituições financeiras do país. Você pode utilizar o nosso comparador. Ele é simples, fácil e permite que você consiga comprar as principais empresas de forma rápida e completa.

Encontre as melhores taxas de juros de empréstimo consignado, em menos de 20 segundos, com a HelloSafe.

Camparar

O refinanciamento de empréstimo consignado demora quanto tempo?

O prazo vai depender da instituição financeira e da análise dos documentos do contratante. Normalmente, o prazo de aprovação costuma demorar de 15 dias a 20 dias. Isso ocorre porque é necessário encerrar um acordo e fazer um novo. Porém, a renovação é uma operação simplificada, pois é possível realizar todas as etapas pela internet.

Refinanciamento de empréstimo consignado simulação: como fazer?

A simulação do empréstimo consignado pode ser feita pela internet. Grandes bancos e instituições financeiras oferecem ferramentas digitais em suas páginas na internet que permitem simular um empréstimo consignado.

Geralmente, as instituições vão oferece um formulário digital onde você vai preencher dados pessoais e o valor que deseja de empréstimo consignado. A partir daí a negociação pode avançar, caso você ache a proposta vantajosa.

Quem pode solicitar o refinanciamento de empréstimo consignado?

O serviço é garantido para todo o tipo de consignado. Se você é aposentado, pensionista do INSS, servidor público (federal, estadual ou municipal) ou tem carteira assinada pode pedir o refinanciamento de empréstimo consignado.

Uma das exigências para o refinanciamento de empréstimo consignado é que entre 15% a 30% das parcelas já estejam pagas. No entanto, isso varia de acordo com as exigências de cada instituição financeira.

O prazo máximo do refinanciamento é o mesmo do contrato consignado, sendo 84 meses para beneficiários do INSS e 96 meses para servidores públicos. Para os outros é preciso avaliar as regras da instituição financeira.

Quando fazer o refinanciamento de empréstimo consignado?

O momento do refinanciamento de empréstimo consignado é algo muito particular. E depende, principalmente, do momento financeiro pelo qual cada um atravessa.

Ele é indicado para quem tem um orçamento financeiro já comprometido, não deseja pagar mais uma parcela ou já usou sua margem consignável. Também é preciso analisar se as parcelas estão maiores do que o seu orçamento é capaz de suportar.

Caso isso esteja acontecendo o refinanciamento pode ser uma saída. Mas lembre-se ao entrar nessa nova negociação pesquise e compare os valores e taxa de juros oferecidos. Também avalie se quer optar por refinanciamento de empréstimo consignado com troco que te devolve o valor das parcelas pagas, caso negocie a nova dívida com o mesmo prazo da anterior.

Ou sem troco que é quando as parcelas restantes são divididas no mesmo número de prestações do contrato anterior, fazendo o valor de todas as prestações diminuírem.

Quais as vantagens e desvantagens do refinanciamento do empréstimo consignado?

Uma das principais vantagens de refinanciamento do empréstimo consignado é conseguir um dinheiro extra em épocas de orçamento apertado.

Confira outras vantagens

  • Mantém o mesmo valor da parcela e recebe dinheiro se escolher a opção com troço;
  • Parcelas mais baixas e com prazo maior se optar pela renovação sem troco;
  • Ampliação do prazo para pagamento;
  • Chance de diminuir a taxa de juros;
  • Mais margem para um novo empréstimo;
  • Refinanciamento sem consulta ao SPC ou Serasa;
  • Refinanciamento com margem negativa

Desvantagens

  • Risco de perda do emprego;
  • Dívida em prazo mais longo;
  • Pagamento sempre feito sem você poder mudar a data;

Para contratar um empréstimo consignado de forma fácil e rápida, use o nosso comparador. Com ele, você consegue avaliar detalhadamente as propostas de empréstimo consignado e decidir a que melhor se encaixa nas suas necessidades. Nosso comparador é uma maneira eficaz e rápida de comparar as condições do seu futuro empréstimo.

Encontre as melhores taxas de juros de empréstimo consignado, em menos de 20 segundos, com a HelloSafe.

Camparar

Refinanciamento e portabilidade são a mesma coisa?

Refinanciamento de empréstimo consignado e portabilidade são instrumentos diferentes para obtenção de crédito.

No refinanciamento você mantém o empréstimo no mesmo banco. Já na portabilidade você transfere o seu consignado para outro banco que lhe ofereça uma proposta melhor no valor das parcelas, nas taxas de juros menores ou um prazo de pagamento mais longo.

FatoresRefinanciamento de empréstimoPortabilidade de crédito
OperaçãoRenovação do crédito com o mesmo bancoTransferência do empréstimo consignado para outro banco
Condição contratual que pode ser alteradaTaxas de juros e prazoTaxa de juros
Valor das parcelasPode ser mantido ou reduzido (em função da redução da taxa de juros)Pode ser reduzido (em função da redução da taxa de juros)
Liberação de trocoPode haver, dependendo da negociaçãoNão, apenas em alguns casos em que é feito portabilidade e refin
Prazo para pedirmédia de 15% a 30% das parcelas pagasa qualquer momento do contrato
Prazo de conclusãoem média de 7 a 10 dias úteisem média de 15 a 20 dias úteis
Responsabilidade da quitação do débito anteriorPróprio bancoOperação entre os bancos envolvidos na portabilidade
Repasse do custo ao cliente da nova operaçãoIsento para o clienteIsento em alguns casos. Exceto despesa de cartórios, de avaliação do bem objeto da garantia e eventuais decorrências legais. Alguns bancos podem cobra tarifa para abertura de crédito
Tabela de diferença entre refinanciamento de empréstimo consignado e portabilidade

Por isso é importante ler o contrato atentamente. Isso ajuda a entender os preços a serem pagos e ter certeza o que vale a pena: a portabilidade ou o refinanciamento.

Mas se você ainda tem alguma dúvida sobre portabilidade de empréstimo consignado, veja o nosso guia sobre portabilidade. Ele explica todos os detalhes desse tipo de operação.

O conteúdo dos comentários é necessário
Seu nome é obrigatório